Alunas são premiadas pela criação do “Projeto Barco Solar”.

Alunas criam o "Projeto Barco Solar" para limpeza de rios e recebem prêmio de inovação.

· 2 minutos de leitura
Alunas são premiadas pela criação do “Projeto Barco Solar”.
As alunas foram premiadas pelo projeto e já possuem novos planos para o futuro. Imagem: Secom/VG.

No Distrito de Bonsucesso, em Várzea Grande, as estudantes da Escola Municipal de Educação Básica (EMEB) Profª Maria Barbosa Martins, Flávia Sophia Almeida de Gimenis, Giovanna Nataly dos Santos, Jenniffer Marques de Oliveira e Bheatryz Fernanda de Almeida da Silva, demonstraram uma notável iniciativa ao desenvolver o "Projeto Barco Solar".

Essa inovadora proposta consiste na construção de um barco movido a energia solar, cujo objetivo é a limpeza de rios. Essas jovens talentosas não apenas conquistaram reconhecimento pela comunidade escolar, mas também receberam um prêmio concedido pelo Programa de Inovação e Empreendedorismo (PIE), patrocinado pelo Banco CNH Industrial, Case IH e CASE Construction Equipment.

O surgimento do "Projeto Barco Solar"

As alunas Flávia, Giovanna, Jenniffer e Bheatryz, orientadas pela professora de Educação Física, Lorraynne Lhorrara, se destacaram no Programa PIE com sua notável criação, o "Projeto Barco Solar". Esse audacioso projeto visa enfrentar o desafio da poluição nos rios, utilizando a energia solar como fonte de propulsão para o barco, o qual tem a função de coletar e filtrar resíduos presentes nas águas.

Ao desenvolverem essa iniciativa, as alunas demonstraram sua dedicação em encontrar soluções práticas para problemas enfrentados pelas comunidades locais.

A importância da premiação e do patrocínio

O reconhecimento das alunas pelo Programa PIE e o prêmio concedido pelas empresas patrocinadoras (Banco CNH Industrial, Case IH e CASE Construction Equipment) são marcos significativos para incentivar outras jovens a se engajarem em atividades inovadoras e empreendedoras.

A premiação mostra o valor da criatividade e do design thinking, que foram fundamentais para a concepção do "Projeto Barco Solar". Além disso, o apoio financeiro proporcionado pelas empresas patrocinadoras viabilizou a concretização desse projeto, impactando positivamente a comunidade escolar às margens do Rio Cuiabá.

O papel do PIE na formação dos alunos e professores

Igor Furniel, CEO do Grupo Nest, ressaltou que o Programa de Inovação e Empreendedorismo proporcionou oficinas práticas para os alunos e professores, abordando temas como criatividade, inovação e design thinking.

Através dessa formação, os participantes foram incentivados a utilizar essas habilidades para desenvolver projetos que propusessem soluções concretas para problemas cotidianos enfrentados pelas comunidades em que vivem.

A iniciativa das alunas não se limitou ao reconhecimento e à premiação. O "Projeto Barco Solar" representa um passo importante rumo à sustentabilidade ambiental. Ao coletar e filtrar os resíduos nos rios, contribui para a melhoria da qualidade da água e a preservação dos ecossistemas aquáticos.

A comunidade escolar situada às margens do Rio Cuiabá é diretamente beneficiada por essa ação, uma vez que a redução da poluição é essencial para a saúde e o bem-estar de todos.