Van Hattem defende Jordy e critica violação de prerrogativas parlamentares

Van Hattem defende Jordy em coletiva, questiona acusações do STF e enfatiza a necessidade de respeitar as prerrogativas parlamentares e a Constituição.

· 1 minuto de leitura
Van Hattem defende Jordy e critica violação de prerrogativas parlamentares
Deputado do Novo Apoia Jordy e Questiona Ação do STF em Coletiva

Em coletiva de imprensa, o deputado Marcel van Hattem (Novo) veio a público defender seu colega parlamentar, Carlos Jordy (PL-RJ). Em um cenário marcado por investigações e acusações, van Hattem se posicionou firmemente ao lado de Jordy, destacando a confiança na inocência do colega.

Van Hattem argumentou que, apesar das narrativas veiculadas pela imprensa, não existem provas concretas que sustentem as acusações contra Jordy. Ele ressaltou que as alegações atuais contra o deputado do PL não apresentam fundamento sólido e, portanto, Jordy nem deveria necessitar de defesa.

A crítica mais contundente de Van Hattem, no entanto, dirigiu-se à violação das prerrogativas parlamentares. Ele destacou que, em casos anteriores, envolvendo acusações de crimes graves, incluindo corrupção, outros políticos não enfrentaram ações tão drásticas quanto às sofridas por Jordy. Van Hattem criticou a interferência da Presidência da Câmara neste contexto, argumentando que, independentemente das opiniões pessoais, as prerrogativas dos parlamentares estão asseguradas na Constituição e devem ser respeitadas.

"É um precedente perigoso", afirmou Van Hattem, "quando o respeito às normas constitucionais é substituído por decisões arbitrárias." O deputado do Novo expressou sua preocupação com o que percebe como uma erosão dos princípios democráticos e um desequilíbrio entre os poderes, sugerindo que tais ações podem ter repercussões de longo alcance para a governança e o estado de direito no Brasil.

O caso de Carlos Jordy, segundo van Hattem, destaca uma questão maior sobre a independência do Legislativo e os limites do poder judicial. Ele enfatizou que, mesmo em face de acusações, é fundamental proteger as prerrogativas parlamentares para preservar a integridade do processo democrático.

O discurso de van Hattem na coletiva de imprensa reflete um momento de tensão política no país, onde as ações do STF e a posição da presidência da Câmara estão sob escrutínio. Com a retomada das atividades legislativas em breve, espera-se que mais debates e discussões surjam em torno desta questão polêmica​​.